Sunday, October 02, 2005

party on line

A Palavra Antiga

“no fundo aceitamos que nada temos que se encontre fora de nós próprios”
José Maria Garcia López


atravessa-ma a música do Paris Texas
um holograma de superfície clara
da escrita branca no hybris grego
quando chego forte ao mar e
me passeio no barco negro para
ver a elegância dos cavaleiros
do Nilo os mamelucos

ao som do arrabil e da viola
comendo em louça de Arezzo
e a beber vinho de Falerno
em busca de saphira e dos
actos da fala, nas centelhas
de Deus um exegeta do Talmute
caído no ponto mais ínfimo
com a canção de Leonardo Cohen
“Take this halls” na parábola judaica
Onde está tudo iluminado no
Gelo marítimo da Árctico no
Teu colo quente.

1 Comments:

Blogger Ana Maria said...

".../Gelo marítimo da Árctico no
Teu colo quente.../"
boa antitese.

8:25 AM  

Post a Comment

<< Home